Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
4/10/19 às 11h56 - Atualizado em 4/10/19 às 16h57

Brasília terá mês dedicado ao Turismo Cívico e dia de homenagem ao Turismo Rural

COMPARTILHAR

CLDF aprovou propostas que serão inseridas no Calendário Oficial de Eventos

 

 

Setembro poderá ser dedicado ao Turismo Cívico em Brasília. A Comissão de Desenvolvimento Sustentável, Ciência, Tecnologia, Meio Ambiente e Turismo da Câmara Legislativa do DF (CLDF) aprovou, na quinta-feira (3), o Projeto de Lei (PL) 507/2019 que institui no Calendário Oficial de Eventos do Distrito Federal um mês dedicado a esse segmento turístico: “Brasília Capital do Turismo Cívico para o Brasil e para o Mundo”.

 

“É importante valorizar o turismo. Cada ação que fizermos nesse sentido, credibilizamos a Secretaria de Turismo, o nosso governo e o Distrito Federal para receber pessoas e para que elas possam conhecer tudo que a gente tem a oferecer”, destacou o deputado Distrital Eduardo Pedrosa, autor da proposta juntamente com o deputado distrital Cláudio Abrantes.

 

A Comissão também acatou o PL 586/2019, de autoria do deputado distrital Roosevelt Vieira, que cria o Dia do Turismo Rural, que será comemorado todos os dias 17 de setembro. Os dois projetos seguem para aprovação pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e pelo Plenário da CLDF, para depois serem encaminhados para a sanção do governador Ibaneis Rocha.

 

Fotos Luís Tajes/Setur-DF

De acordo com a secretária de Turismo do Distrito Federal, Vanessa Mendonça, as duas aprovações refletem o trabalho conjunto da Secretaria de Turismo do DF com a Câmara Legislativa para impulsionar o turismo na capital e incrementar a geração de emprego. Com o apoio do presidente da CLDF, Rafael Prudente, e de todos os deputados distritais, temos conseguido que o legislativo abrace as causas do Turismo. A casa está comprometida com as geração de emprego e renda”, comemorou a secretária.

 

Para a relatora do PL 507, deputada Jaqueline Silva, a criação de um mês em homenagem ao Turismo Cívico no Brasil irá permitir o desenvolvimento de novas ações que irão promover esse segmento na capital. “Essa iniciativa valoriza a condição de Patrimônio Cultural Mundial da Capital, visa a preservação dos monumentos e símbolos nacionais e estimula o turismo”, defendeu a parlamentar.