Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
24/05/21 às 21h48 - Atualizado em 24/05/21 às 21h48

Secretaria de Turismo do DF agracia vencedores do 1º Prêmio Brasília: o Novo Olhar do Turismo

COMPARTILHAR

Homenagem visa reconhecer iniciativas e personalidades que tiveram atuação relevante pelo turismo da capital

 

 

A secretária de Turismo do DF, Vanessa Mendonça, homenageou, nesta segunda-feira (24),  personalidades que tiveram atuação relevante na promoção do turismo na capital. Receberam a premiação: a paratleta Andréa Pontes, o social media Leon Júnior e o embaixador do Chile, Fernando Schmidt Ariztía.

 

Andréa Pontes recebeu o troféu ouro, referente ao primeiro lugar na categoria Experiências Acessíveis pela participação no Guia Turístico Arquitetônico de Brasília. O guia é resultado de uma parceria entre a Embratur, a Secretaria de Turismo do Distrito Federal (Setur-DF)  e a Unidade Nacional de Acessibilidade, dirigida pela paratleta. Esse projeto está integrado a programas dos governos Federal e Distrital de acessibilidade e projetou a capital como a cidade do turismo acessível.

 

“Nós da Setur e a Andréa Pontes percorremos vários pontos turísticos da cidade e mapeamos seis atrativos já estruturados para receber pessoas com deficiência. O trabalho da Andréa foi fundamental para construirmos esse guia. É a primeira rota mapeada de turismo com o olhar voltado para a acessibilidade, para tornar essa experiência inesquecível, feita com comodidade e segurança pela pessoa com deficiência”, explicou a secretária Vanessa Mendonça.

 

A paratleta considera o trabalho feito em parceria com a Setur e a Embratur um passo significativo para a inclusão da pessoa com deficiência dentro do turismo arquitetônico de Brasília. “Foi um trabalho construído por muitas mãos que, sobretudo, absorveu as necessidades de acessibilidade da pessoa com deficiência. Nosso objetivo foi dar um passo para incluir as pessoas com deficiências dentro do turismo de Brasília”, afirmou.

 

Mídias Sociais

 

 

O digital influencer Leon Júnior recebeu a medalha de terceiro colocado na categoria Profissionais de Mídias Sociais. A página de Leon no Instagram (INSTA_BSB – A poesia do concreto) foi criada  em janeiro de 2015 e  possui 13,1 mil seguidores. A pegada de Leon é apresentar uma Brasília plural, mostrando toda a sua diversidade natural e cultural. Ao promover a capital por meio de fotografias, informações turísticas e curiosidades, o profissional permite que os seguidores vivenciem Brasília, mesmo por aqueles que não moram nela.

 

Nascido no Rio de Janeiro, Leon Júnior (39) mudou-se para Brasília quando tinha 15 anos e tenta apresentar aos seguidores a cidade que o acolheu. “Eu vivo Brasília. Brasília não é só a parte munumental e cívica. Há o clima, o trânsito, as retas, os parques. Eu trabalho de forma despretensiosa mostrando a minha cidade e as pessoas abraçam essa idéia para vivenciar as minhas experiências, pois Brasília é muito mais que a Praça dos Três Poderes e eu tento passar  um olhar mais humanizado”, declarou.

 

Chile

 

 

O Embaixador do Chile, Fernando Schimidt Ariztía, foi condecorado com a medalha de Menção Honrosa do 1º Prêmio Brasília: o Novo Olhar do Turismo.  Fernando Ariztía foi um dos articuladores para viabilizar o vôo direto Brasília-Santiago. Operado pela Latam, o vôo inaugural desse trajeto aconteceu no dia 15 de outubro de 2019. A conquista elevou para nove vôos diretos internacionais partindo da capital, fortalecendo o turismo bilateral entre as cidades.

 

Vanessa Mendonça destacou que um destino turístico não se faz sozinho. “Para que possamos posicioná-lo entre os principais do mundo é necessária a integração e cooperação entre países, governos e empresários. Esse vôo direto conectou dois grandes destinos turísticos, capitais de um dos países com maior diversidade cultural e natural da América do Sul ”, finalizou.

 

“Brasília é um destino primordial, cada vez mais importante, não apenas por ser um hub aéreo, mas por ser a capital do Brasil. Logo, era preciso abrirmos este voo”, afirmou o embaixador, que terminou a homenagem recitando um poema sobre a cidade.

 

Prêmio

 

O 1º Prêmio Brasília: O Novo Olhar do Turismo contou com 375 inscrições, das quais 69 foram premiadas com ouro, prata e bronze. Foram 23 categorias, divididas entre 12 profissionais e 11 iniciativas. As categorias representam o desenvolvimento do turismo na região, seja turismo rural, arquitetônico, náutico ou de outro segmento, assim como, representam projetos criados por pequenos, médios e grandes empreendedores. Além disso, algumas personalidades indutoras do desenvolvimento do turismo da nossa capital foram indicadas para receberem a medalha na categoria de Menção Honrosa.

 

O prêmio é uma realização da Setur-DF em parceria com as entidades Fecomércio, Sesc e Senac, além da Fundação Athos Bulcão, para homenagear contribuições para a consolidação da capital federal como destino turístico. O troféu e a medalha homenageiam a obra do artista Athos Bulcão.

 

Ascom Setur – DF